Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2010

Fácil reconhecer...

dedos machucados ............................ músicos.
egos machucados .............................. atores.
corações machucados .......................... poetas. 

unisex, para homens e mulheres.

não há segredos. existem experiências e experiências. bom, o engraçado é que elas se repetem! e como pode? cada um, não é cada um? ah, mas os humanos teimam na imitação. na reprodução do que é certeiro. tá tudo escondido lá atrás, ou na frente, estampado na cara: medo. medo, não nego. medo, né nêgo? medo não, nêgo! é por aí. a ordem das palavras não altera o sentido final que o receptor se identificar. descomplicar. acredito que a gente complica pra achar graça mais tarde  ou só pra contar depois com mais emoção mesmo. pra achar que foi único, única. pura perda de tempo. e tempo como bem precioso, eu respeito. brincar é bom né? brincar é gostoooso... sim e não, não ou sim, esconde-esconde, pega pega, delííícia... mas vá "brincar" com a mãe! brincar a dois é melhor. aprendi isso certa vez, a melhor ação é aquela do 'com' de duas vias, não o 'de'. que é uma só via. no melhor estilo: rir com, amar com, gostar com, fuder com, fazer amor com, sair com, brigar com, fazer a…

meu dicionário de neopalavras inventivas autoexplicativas de expressão.

Álcooltecimentos

Baaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaala(por Thiago Pondé)
Báhell

Descaradagem

Ésmocionante

Exclusive

Expressionante
Hêlário 

Increível

Òquêpená!


Premedital

Uótimo
(...)

tweetecontos - parte 2.

"No meio do bar ele desabafou: - meu coração não é um bom lugar. No que prontamente um bêbado retrucou: - já o fígado...""- eu te amo... (ela disse).      - volte sempre! (disse ele)."Larissa Uerba.

Do sentindo de entender.

falo rápido demais e as pessoas não entendem. sinto rápido demais e as pessoas não entendem. deixo de sentir rápido demais e as pessoas não entendem. rápido demais as pessoas não entendem. demais as pessoas, não entendem rápido.


Antes de dormir

Existe uma coisa que se chama liberdade.
Eu posso dizer não. Você também pode dizer não.
Você pode voltar atrás sim. E eu também posso voltar atrás.
Tá combinado então! Toca aqui, mas toca com o coração.